domingo, 9 de setembro de 2012

Artigo de Opinião Sobre Gravidez Na Adolescência






Gravidez na adolescência é um dos assuntos que mais geram discussões na atualidade e que vem sido apontada como um problema de saúde publica. Grande parte das adolescentes que engravidam conhecem os métodos contraceptivos e como são usados. A mídia em geral (seja na televisão, internet ou campanhas ) que sempre enfatiza a gravidez na adolescência e suas formas de prevenção, mesmo assim o número de garotas grávidas não para de crescer. Desde 1970, os casos de gravidez na adolescência vem aumentando e a idade das meninas diminuindo. Segundo os dados do IBGE, desde 1980 o número de adolescentes entre 15 e 19 anos grávidas aumentou 15%. No Brasil, em 1990, cerca de 10% das gestações ocorriam entre 12 e 19 anos.
                                           
Acho que a maioria das adolescentes pensam que nunca vai acontecer com elas, que nunca vão engravidar, ou suas mães também tiveram filhos muito jovens, ou fazem apenas para adiantar o casamento. Uma gravidez nesse momento da vida de uma mulher, ou seja, quando ainda é uma garota é muito impactante, ter que deixar os estudos e deixar todos os bons momentos desta face tão boa de viver que é a adolescência. Uma fase em que não temos problemas e obrigações. Tudo isso muda com a vinda de uma criança. Por que perder esse momento que não volta mais? Engravidar quando se é adolescente alem de ser muita estupidez é também um grande risco para a saúde tanto da mãe quanto do bebê. Como se já não fosse surpreendente garotas de 12 anos terem vida sexual, engravidar é perder a juventude, é ter que crescer muito rápido, é ter que criar responsabilidade para ser uma criança adulta cuidando de outra criança.
Muitas campanhas são feitas para combater a gravidez dessas jovens, nos postos de saúde nas escolas. Mais eu creio que o que realmente falta para diminuir esses altos números é a conversa familiar. Intervenção da família, conversas entre pais e filhos, conselhos, e um pouco mais de preocupação por ambos. Pois gravidez na adolescência pode acontecer com qualquer garota.

2 comentários: